artists: a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9

na mira lyrics – brutang 44

[verso 1: nabrisa]
o vento tá batendo torto
hoje eu tô cantando pouco
minha barriga tá roncando
infelizmente, eu tô sem troco
minha cabeça tá na mira
qualquer hora eles atira
solta o beat que eu me solto
enquanto tu aperta outro
joga a braba que eu me jogo
tô de cara, encara minha rima, seu moço
de tanto que eu fumo, tanto, tá me dando até enjoo
tem quem finge estar feliz estando no fundo do poço
isso é brutang44, largo dois soco na boca
quatro verso sem fofoca, só de moletom e touca
confesso, fui insegura pra poder escrever essa porra
é que vocês me cobra tanto e eu só tenho 16
com a responsa de ser grande, pra fazer o que cês não fez

[ponte: nabrisa]
vários aqui não são reais, não
vários aqui são só reais, é
vários aqui não são reais
derramo mais uma lágrima na guerra dos mcs imortais
vários aqui não são reais, não
vários aqui são só reais, é
vários aqui não são reais
derramo mais uma guerra na lágrima dos mcs imortais

[verso 2: miatã]
todo dia eu sigo em frente
a minha odisseia é um saara
sem seda, marca de cicatriz na minha cara
enquanto uns come caviar c’a vida mara
tô com a viatura na minhas costa invadindo o covil das quimera
e mermo -ssim não se equipara à obra que a minha coroa opera:
dois filho no mundo, um barco de madeira, pera
hoje temos aquela bisnaga, nutella
15 cadeira, ainda te boto num castelo de safira
ê, cuzão, tu não tá a fim de dar um pulo no raio que o parta?
afinal, tu corre sempre que a situ aperta
ku klux klan, brutang clã avisando, ainda -ssistimo rindo
cês sufocar na câmara de gás mostarda
que hoje o miatã é coringa e adivinha quem dá as carta?
tanta loucura, enlouqueci minha psicóloga
matei um psiquiatra
bafando, eu guardo o medo, solto o pente
44 o dente nos babaca
é que nóis solta o pente
independente do tamanho do teu medo
isso é brutang44, sessão de descarrego
mas é sessão de descarrego

[verso 3: major rd]
resolvi esclarecer, vim pra mostrar, vim pra dizer
que certa coisa que acontece, chouse, não deixa eu dormir
mc retruca treta, troca a track, traz o troco
produtor que panca e trinca, truta, tendência é trair
depois dá teto e troca acordo
em trocação peida pra tropa
rd, é m-ssa teu bigode feito, muhammad ali
desculpa pelo transtorno, cê quer fazer trocadilho
mas teu som de empada, eu sinto vontade de ri
com 19 na carcaça, vivendo sob ameaça
de mc que mete a napa e fica se achando h-ll boy
sou filho da dona cristina, dispô, visão de muhammad
lorde dos menorzin’, meu pai é meu super héroi
que me ensinou toda malícia, entre putas e polícia
eu sinto mó falta do lucas e a saudade me corrói
tanto no corre da vida sempre foi meu anjo da guarda
e no porradeiro da quadra, disposição e sangue nos zoi
cê não sabe o que é caviar, até porque
o pessoal daqui se contenta com tão pouco
abre espaço pro bonde p-ssar
surgimo do mistério em algum lugar além do topo

[verso 4: mc xamã]
aê, tira a mão de mim, caralho, eu sou inocente
avisa pra polícia que nois tá tudo tranquilo ultimamente
tô com a 9 dentro da calça, e uma moça loura sorridente
o pai dela odeia nois, mas se brigar dorme sem dente
são rimas e blues do pântano, jazz em guantanamo
pés sujos de lama e mão suja de canhamo
mano, é a gang, é o canhão
mano, é um hit, é o espião
mano, a city, é o verão
vão dando os seus kit
o patrão, amor, aceito o convite
eu tô p-ssando a visão
e transando com o beat
eu vou lá pra plutão
platão e afrodite
vocês tão sem noção
sou o john malkovich, porra

[verso 5: pelé milflows]
traficante playboy, ninguém olha pro teu boy
chego de ouro, sou novo dono de niterói
a nova referência, tendência, não sou soulja boy
pro teu filho virei um super herói
pras algumas minas o mais gato
pra toda pm virei freio de blazer
no alemão eu fui acusado
um pente carregado e mais maldade na mente
na minha frente, uma mina linda da boca
ao meu redor, vários capanga deliquente
meu pai ligou querendo saber se eu vou pra casa
e eu querendo apenas ser um sobrevivente
poucos mete a cara e muitos mete a napa
vagabundo tenta, tenta, tenta, tenta e não dá nada
eu observo e vejo nada, nada, nada, nada
quantos querem ser, mas são tão lixo até pra ser nada
eu vejo, vejo, vejo, vejo, vejo e não dá nada
eles tentam, tentam, tentam, tentam e não dá nada
quantos querem ser, mas são lixo até pra ser nada

[verso 6: liflow]
coliga e liga pros n-gg- que tem um rei na barriga
não é bom comprar essa briga, melhor evitar a fadiga
perderam o flow na batida, não importa o que fale ou diga
ausência de letra ou vida, essa diss foi distribuída
e essa toquei na ferida
quebraram a porta de emergência e não encontraram a saída
o erro que me instiga a saber como se lida
o civil tá aqui, te investiga, vai no aero e compra só de ida
lágrimas serão contidas, foram causadas por uma mera bandida
tão na larica e é de rapa a comida
tu não me agrada nem que me agrida
desculpa se eu faço rap e tu ainda duvida
os vida loka pouco verso tão com a cara abatida
tô com a minha rapa, toco o foda-se e cruzo as avenidas
eu vim na cara lavada e tu vai na cara moída
mexeu com um, mexeu com sete, a família é unida

[ponte: froid]
você não sabe como é caminhar com a cabeça na mira
você não sabe como é habitar a cabeça da vítima
você não sabe como é caminhar com a cabeça na mira
você não sabe como é habitar a cabeça da vítima, y’all

[verso 7: froid]
ninguém toca os corações como dfroi
por isso que as garotas gostam mais do ganja boy
mil flow e mil tons, os cara rico é louis vuitton
nois tamo rico, é louis hamilton
na verdade, isso é a torre de babel
ninguém se comunica e o disstinto discutiu com o menestrel
deu certo, a galera adiou o céu
meu verso tem vontade própria, então não podem culpar eu
dizem que o froid enlouqueceu, mas você se esqueceu
na mão de favelado é mó fita
demorou, mas o evento encheu
o underground é foda, mas hoje eu quero o baile do helipa
ele só fala dele, dã, rastafari fake
não conhece reiki, fã
não é teste do sofá
cê nem dança break, f-ck
cê nem é tão preto, funk
tipo crank that e fergie, tenho que parar com o skunk
tenho que parar com o skunk
tenho que parar com o skunk
tenho que parar com o skunk

[saída: froid]
você não sabe como é caminhar com a cabeça na mira
você não sabe como é habitar a cabeça da vítima
você não sabe como é caminhar com a cabeça na mira
você não sabe como é habitar a cabeça da vítima

/ brutang 44 lyrics